Você está em
Você está em  

Hermes Pardini - Medicina, saúde e bem-estar

Corpo exige cuidados especiais durante a temporada de verão


Fonte: Edição do Brasil


O verão é para muitos, tempo de descansar, já que o dia demora mais para terminar e o sol brilha forte no céu. Mas, sem os devidos cuidados, esse descanso pode virar um verdadeiro pesadelo. É que no período quente o nosso corpo fica propício a vários problemas, dentre eles a insolação.

O clínico geral Paulo Mascarenhas explica que o problema é causado quando nosso corpo perde a capacidade de controlar a temperatura. ''Nós temos um fator térmico que faz a gente suar quando está calor e tremer quando está frio. No quadro de insolação, nosso corpo fica incapaz de controlar isso devido ao ambiente muito quente''.

Ele alerta que o perigo em si, não está no sol, e sim na temperatura. ''Muitas pessoas acham que o problema é a exposição, mas não é bem assim. É claro que o sol direto atrapalha, mas essa dificuldade é consequência do calor excessivo, então mesmo que a pessoa fique na sombra, por exemplo, ela pode sofrer a insolação''.

Mascarenhas aponta alguns sinais que o nosso organismo apresenta nesses casos. ''A insolação mais leve pode apresentar sinais de náuseas, dores de cabeça, sensação de falecimento e cansaço. Além disso, como na maioria dos casos o paciente fica sem se hidratar, a urina fica espessa e ele vai poucas vezes ao banheiro''.

Foram exatamente esses os sintomas que a estudante Larissa Ribeiro sentiu após um dia no clube com amigos. ''Estava em uma excursão do colégio e, como não queria pegar marca de sol, fiquei na sombra a maioria do tempo. Contudo, um pouco depois de chegar em casa, senti meu corpo estranho, vomitei muito e fiquei fraca. Eu sentia meu corpo bem quente, como se estivesse com febre por dentro. Fui para emergência de um hospital e quando o médico constatou a insolação, me disse para voltar pra casa, tomar bastante água e descansar. Assim fiz e os sintomas melhoraram'', recorda.



Tratamento e cuidados


O clínico geral acrescenta que alguns cuidados devem ser tomados durante o verão, principalmente em dias de passeio como praias, clubes e cachoeiras. ''A pessoa deve evitar ficar apenas no sol o tempo todo, ingerir bastante líquido e de tempo em tempo tomar uma ducha para resfriar o corpo. Para as pessoas no dia a dia, uma boa dica é um spray de água que ajuda a refrescar''.

A insolação é tratável e segundo o especialista, depende do nível do problema. ''A insolação pode matar, porque o corpo começa a funcionar de uma forma diferente do normal. A pressão cai e o coração fica fraco. Por isso é sempre recomendado que se procure um profissional, principalmente depois de um dia de muito sol. Em alguns casos, o paciente vai precisar de medicamento por meio das vias venosas para hidratação. Em outros, colocamos o paciente em uma banheira com gelo para controlar a temperatura'', conclui.

 

Central de Relacionamento com o Cliente e Atendimento domiciliar:

(31) 3228-6200

VOZ

Seg a sex - 7h às 19h

Sáb e feriados - 7h às 18h

Dom - 7h às 13h

 

Whatsapp:

Análises clínicas, vacinas, diagnóstico por imagem e consultas médicas:

(31) 3228-6200

Seg a sex - 8h às 18h

Feriados - 8h às 14h

 Central de Apoio a Parceiros:

www.mypardini.com.br

Novidades

Receba as novidades do Hermes Pardini no seu email.